Quinta Real do Alfeite

Quinta Real do Alfeite

A Junta de Freguesia do Laranjeiro, ao publicar o livro Quinta Real do Alfeite, prossegue o seu objetivo de divulgar o património histórico da sua região e de valorizar a herança cultural do concelho. Por isso, o executivo desta Junta renova assim, perante a freguesia, o seu propósito de promover o serviço público produzido por esta obra, contribuindo para uma maior participação dos munícipes no conhecimento do património e da história local

O livro que apresentamos às gentes do Laranjeiro e aos estudantes, professores e investigadores que se queiram debruçar sobre o Alfeite, desde as origens ao advento da República, integra-se no nosso plano de atividades programadas, com o apoio a publicações, quando é possível, a dinamização de exposições de arte, de visitas guiadas, de palestras e outras ações à comunidade.

E como a cultura é feita de figuras e factos, do passado e presente da vida humana, a Junta de Freguesia orgulha-se de editar este livro Quinta Real do Alfeite, por várias razões. A primeira, longe dos Autores pretenderem fazer um exaustivo estudo sobre esta propriedade com séculos de história, para o que não bastariam certamente vários volumes, houve a preocupação de elaborarem, com rigor, um breve ensaio histórico, desde as origens do sitio do Alfeite, sobretudo desde a Idade Média até ao fim da Monarquia e princípios da 1ª Republica. A segunda, possibilitar a redescoberta das vivências dos proprietários, com destaque para a família real, da história da quinta e de outras áreas rurais e ribeirinhas envolventes. E a terceira, divulgar uma breve antologia de textos sobre o Alfeite e arredores, de diversas publicações do século XIX e princípios do XX, já esgotadas.

Aos autores a gratidão da Junta de Freguesia.

Que este livro honre a nossa terra. Para as gerações do presente e do futuro.

Maria Figueiredo

Presidente da Junta de Freguesia do Laranjeiro