Raul Pereira de Sousa

Raul Pereira de Sousa

Raul Pereira de Sousa

Nasceu em Lisboa, na freguesia dos Anjos, a 20 de Julho de 1926, onde passou a sua infância e juventude. Foram seus pais Henrique Caetano de Sousa, funcionário público, politico e publicista e Aurora Rosa Rodrigues Pereira de Sousa, professora do ensino primário. Desde muito cedo se interessou pelos desportos náuticos, notabilizando-se como velejador e arquiteto naval de barcos de pequeno cruzeiro, sendo o projetista português com mais barcos construídos e projetos publicados em Portugal e no estrangeiro. Sócio fundador da Sociedade Portuguesa de Espeleologia, coordenou expedições, monitorizou cursos, projetou equipamento espeleológico, a par de palestras e conferencias proferidas sobre o tema. Apaixonado pela investigação e, sobretudo pela história local, publicou diversos estudos sobre esta matéria: Fortalezas de Almada e seu Termo, Almada Toponímia e Historia das Freguesias Urbanas, O Pragal – Caracterização da Freguesia, Cronologia da Historia de Almada, Pequena Historia da Torre Velha, entre outros. Mesário da Misericórdia de Alma, foi igualmente responsável pelo seu Arquivo Histórico. Da sua atividade política destacamos o trabalho realizado no âmbito do seu desempenho como Deputado Municipal: autor dos estudos finais da divisão administrativa do concelho, elaborou os textos para os projetos de lei da criação das novas freguesias do Pragal, Laranjeiro, Feijó e Sobreda, apresentados à Assembleia da Republica; foi também de sua responsabilidade o parecer da Assembleia Municipal sobre a revisão da Lei das Finanças Locais. Integrou a Comissão Municipal de Património, tendo impulsionado a criação dos Núcleos Históricos da Camara Municipal de Almada. Em 1994 foi galardoado pela autarquia com medalha de ouro de mérito Cultural. Faleceu em Almada a 7 de Outubro de 1999. A título póstumo, foi atribuído o seu nome a uma das artérias da cidade, na freguesia do Feijó.